sexta-feira, 17 de junho de 2011

Entranháveis sentimentos de misericórdia.


A Paz do Senhor irmãos! Sempre que acordo com alguma palavra vinda da parte do Senhor minha vontade imediata é de compartilhar com meus irmãos espalhados por toda a terra! Mas nosso alcance é pequeno, então temos que nos ater em compartilhar com aqueles que são nossa porção vinda do Senhor! A palavra que me veio hoje foi :

Entranháveis sentimentos de misericórdia.

Descobri irmãos, através de um texto que li que a palavra misericórdia em hebraico também pode ser representada pelo vocábulo Rahamim. A raiz desta palavra é rhm, e tem o significado de: útero. Rahamim pode ser traduzida como “vísceras”, “entranhas”, “sentimento de amor”, “compaixão”, “misericórdia”. Ou seja, o servo quando é maduro e recebe da parte de Deus os dons do Espírito Santo e principalmente o dom do Amor ele é então capacitado para com esse entranhável sentimento de misericórdia ir gerando no seu íntimo uma nova vida ou vidas para o Reino de Deus, o servo então começa a gerar nas suas entranhas novidade de vida e novidade de Espírito! Ele, o servo, tem no seu íntimo o ingrediente mais importante para gerar essas vidas, o Espírito Santo! Pois ele sendo agora um ser restaurado, preparado, sarado e cheio do Espírito Santo, com um relacionamento íntimo com Ele é capacitado para poder gerar filhos!
A história de Maria que com o Poder de Deus através do Espírito Santo gerou o Filho do Homem ( Jesus) é uma alegoria para a igreja, a bíblia fala que as coisas naturais estão á sombra das espirituais, se estão á sombra é porque as coisas naturais são menores que as espirituais. E podemos concluir então que se buscarmos relacionamento íntimo com o Espírito Santo , Ele vai nos capacitar e colocar em nós sentimentos entranháveis de misericórdia e fazer com que nossas entranhas se contorçam de dores e contrações , mas vai fazer com que possamos gerar vida para a igreja, e essa vida não são apenas pessoas , que são importantes também, mas mais que isso, essa vida é saúde , abundância de paz, provisão, alegria e gozo na alma! Para que tenhamos vida e vida com abundância!
Esse processo muitas vezes nos faz passar por momentos de dor,choro, mal estar , dificuldades, mas quando vem então a palavra , o verbo e declara, haja luz... então nasce o Riso, o Isaque , o filho da noiva, e essa então percebe que todo o choro, dor e contorções e contrações, não poderia comparar com o gozo na alma , o regozijo!
Então vê que na improbabilidade, aquilo se torna provável, se torna fato consumado.
Nasce também na igreja o que o apóstolo Paulo disse:
Portanto, se há algum conforto em Cristo, se alguma consolação de amor, se alguma comunhão no Espírito, se alguns entranháveis sentimentos de misericórdia Completai o meu gozo, para que sintais o mesmo, tendo o mesmo amor, o mesmo ânimo, sentindo uma mesma coisa.Nada façais por contenda ou por vanglória, mas por humildade; cada um considere os outros superiores a si mesmo.Não atente cada um para o que é propriamente seu, mas cada qual também para o que é dos outros.De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus.Que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus.Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens.E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz.Por isso, também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome;Para que ao nome de Jesus se dobre todo o joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra.E toda a língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para glória de Deus Pai.” ( Fil. 2 1 a 11 )




 Mas a noiva do cordeiro tem uma preocupação em que deve -se dedicar muito, alguns muitas vezes ficam impossibilitados de gerar filhos, uns porque as lutas e dificuldades são tão intensas que abortam seus filhos “bênçãos” antes de darem à luz.
Tem também aqueles que o decreto do inferno é tão terrível que sofrem da enfermidade como a mulher do fluxo de sangue, sendo assim, continuam estéreis, envergonhadas a depender daquele cujo poder é único, que com apenas um toque na orla do seu manto, sai cura e milagre, sai Poder.
Esse poder, virtude nos sara e nos restaura e tira todo o opróbrio, vergonha e nos honra com com o poder de gerar filhos.

Tem alguns meses que estou “gerando” essa palavra, o Senhor começou com um sonho que me deu alguns meses atrás, no sonho eu tinha a sensação que estava tendo um aborto, uma visão de se preocupar, pois perguntava ao Senhor se eu estava em pecado ou desagradando a Ele, isso muito me angustiava.
Depois veio como um martelo que esmiúça a penha uma frase falada muitas vezes por uma irmã cheia do Espírito Santo, a frase era: moveu-se de íntima compaixão. Isso vinha no profundo do meu íntimo várias vezes, e se repetia durante dias.
Logo depois veio a mim a curiosidade de saber sobre a passagem da Mulher do fluxo de sangue, pois no sonho tinha a sensação que Deus queria realmente falar algo profundo.
Quando menos esperava li o texto sobre “misericórdia” que vem de radicais que quer dizer “útero” , “ entranhas”, e finalmente, nessa manhã o Senhor então com apenas essas palavras me trouxe o que Ele nesse tempo todo quis me dizer com : Entranháveis sentimentos de misericórdia, algo que fluía do meu profundo a meses, mas que no tempo certo é que veio á luz.
Então concluímos que esse relacionamento da noiva com o noivo, gera vida, gera mais intimidade, gera filhos e gera alimento, pão. E mesmo que para o servo seja dor no gerar, mas ainda vale a pena, buscar um relacionamento íntimo e precioso com o Senhor Jesus.





Nenhum comentário:

Postar um comentário